google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Desalinho

por WAndrade, em 25.09.13

Quando o vento passava mais frio dentre os fios do capote,

e lanhava com seus uivos a carne desacarinhada,

pensava naquele abraço aquentado.

Quando varava a madrugada e a vigília solitária

adonava-se de todos os cantos da casa,

pensava naquele compasso que era passo a passo com o seu

 

Por que mesmo desfiou o bordado?

WAndrade – 11/02/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:07

Revisão

por WAndrade, em 12.08.13

Vivendo e aprendendo…tão antigo como andar para a frente, não é?

Pena que não saibamos, por vezes, entender isso como deve ser.

Quando levamos um baita de um baque qualquer, ou da vida,

ou de um amigo (suposto) ou de um amor, enfim…

ficamos tão baralhados que nem pensamos, apenas doemos.

Não percebemos que aí está nossa maior chance.

De crescer, de aprender, de rever conceitos, de ver-nos no espelho de nós mesmos.

Não percebemos que esse baque cria jurisprudência e nos liberta.

Não é caso para dar troco, até porque quem dá troco é comerciante…

É caso para agir, ou seja, dar às pessoas exactamente o que elas querem,

no caso, o que elas nos dão. Simples assim.

WAndrade – 12/08/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:31

Indubitável

por WAndrade, em 10.08.13

Queria escrever algo que fosse definitivo, reto e que não deixasse dúvidas,

porque nem tudo o que parece é ou parece ser.

Às vezes é preciso fintar a realidade para chamar a atenção daquilo

que é sonho, é preciso não dizer para ser compreendido,

é preciso enganar para ser observado.

E porque nem sempre se pode e nem sempre se perde, há que ir levando

em jeito de aceitação aquilo que o coração abafou mas não conseguiu calar.

Fui clara?

WAndrade – 10/08/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:35

Sobrevida

por WAndrade, em 25.07.13

Desculpe, mas acho que não me fiz entender.

Não pedi opinião nem ajuda nem apoio.

Vivo, com vivo comigo e a mim me basto...aliás, mentira

Vivo, com vivo comigo e com este amor, que a mim me basta, 

me alegra, me assusta, me susta às vezes, dá-me asas, lágrimas

sorrisos e loucura.

Vivemos aqui pelas dobraduras das ruas, no céu, no mar,

nos caminhos meus, nos cantos da casa de flores e mirra no ar.

Mas insisto, a mais ninguém interessa meu tortuoso ou meu justo,

não mais, não agora que, a penas de seixo,

desdobrei meus silêncios, olhares e algum naco inquieto de paz.  

Esse direito dou aos poucos, a poucos, muito poucos.

Eu comigo me dano ou me entendo, comigo e com este amor sobrevivo.

WAndrade - 25/07/2013 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:32

Amarras

por WAndrade, em 06.03.13

Agora sim!

Voar acima do impossível, rasantes, levantes, pairantes…tudo seu!

Tudo é do melhor porvir, tudo ousa, tudo solto, tão largo é o horizonte! Ah, agora sim!

Distraiu-se no devaneio. Levou com um vento estragado pela quina, nem percebeu…

só deu conta quando o amarrilho já era irreversível.

E agora…

WAndrade - 05/03/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:04


Mais sobre mim

foto do autor


Instagram


Ventos de Luz - Wania Andrade



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D


WA - Formadora Pedagógica Certificada - Formação Empresarial


Google

google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html