google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Obadias 1:15

por WAndrade, em 14.01.14

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:59

Boa companhia

por WAndrade, em 12.01.14

Uma massinha leve e

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:45

Pró-fundo

por WAndrade, em 12.01.14

Um segredo? Não tenho, não preciso.

O que guardo todos conhecem e os donos das verdade, os que sabem tudo,

riem-se e esquecem-se da volta. Sempre se faz o caminho de volta.

Um medo? Não tenho, nunca tive.

O que é e o que se pressente a mim dá jeito por inteiro, que venha!

Os especialistas em felicidade riem-se e esquecem-se da lei.

É lei, e sempre se cumprirá.

Uma balela? Não careço, não é daí que depende a caminhada

que a mim me impele. Avança à vontade, há ainda muito mar.

Eu? Tenho-me e basto-me e sei tudo de mim assim como sei do tudo

o que almeja. Mas há que ter empenho, há ainda muito atrás.

Os sábios em vida riem-se e esquecem-se de que o vento é um só.

A verdade? Lugar certo, hora devida.  

Meu chão aguarda os passos que nele, enfim, se irão aquietar.

Lugar certo, hora devida.

WAndrade – 12/01/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:59

Plano de vôo

por WAndrade, em 11.03.13

Planava, sim.

Não fosse o peso das nuvens que sentia chumbo

ali, bem dentro no peito, era vôo.

Aquele alvoroço miúdo que lhe tolhia a respiração

quando em quando, como um engasgo de cigarro,

é que encruava, fazia confusão.

Mas sim, vôo…

Pairava com um buliço no corpo, uma quebradeira nos pensamentos,

uma febre ao contrário, de dentro para fora, um total desajuste.

Mas que voava, voava…

 

Para onde é que bem queria saber.

WAndrade – 06/02/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:44

O pai do céu e eu - uma conversa

por WAndrade, em 10.03.13

Escrevi este texto há três anos e agora, quando o coloquei no meu livro, as pessoas gostaram tanto que resolvi postar aqui.

 

Eu:

 

-Ei, Jesus Cristinho, posso?

Olha, sem querer interromper aí o comando, queria uma palavrinha consigo, se faz favor! É coisa rápida: o Senhor não podia-me conseguir aí um lugarzinho? É, por aí, perto do Senhor, quer dizer, não digo assim direto no céu, mas eu tô aceitando qualquer coisa, qualquer mesmo, eu queria era que o Senhor me tirasse dessa vida aqui, dessa dor daqui. Aí, assim, eu morria um pouquinho, ia pagar bem pago o o que tivesse de dívidas, e quem sabe, depois, bem depois, eu ficava quietinha, deitada no Seu colo, em paz!

 

A resposta Dele:

 

-Ô, cê aí! Ei! Ôu, você aí que pediu para deitar em meu colo,

...olha só, é bem verdade que eu te dei uma grande dor (acho que exagerei, é muita coisa na minha cabeça) mas em compensação coloquei a teu lado amigos, os melhores, os mais carinhosos.  

Você já estava no meu colo, boba!

WAndrade - ago 2010

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:42

De novo?

por WAndrade, em 02.03.13

Assim…de novo, novo mesmo, não tinha nada.

Novo de dar gosto de ter? Não.

Novo de brilhar o olho e rodopiar os sentidos? Não.

O que pairava no seu hoje envergado era o diferente,

aquilo que nunca tinha sido, mas chamar a isso de novo,

sabia, bem no fundo sabia que não cabia.

Sabia o quão rente estava agora sua estrada, corrente amarfanhada

onde já não avistava o elo primeiro.

Sabia que a fantasia rasgar-se-ia no primeiro entorno,

arremedo de alegria, euforia inventada , emergência afobada de

nublar o tino e driblar o destino.

De novo?

WAndrade – 01/03/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:14

A menina que cuidava de mim

por WAndrade, em 01.03.13

Tirei o dia para cuidar dela.

Cortei-lhe os cabelos curtinhos como ela gosta,

raiei-os de amarelo, tirinhas de sol, como ela chama (não sei onde arruma essas expressões).

Arranjei-lhes as unhas, adorou o creme de mãos.

Na banheira, banho de lavanda e hortelã, mistura inventada por ela,

aliás, como todas as maluqueiras.

Almoço de bacalhau, que há tanto já pedia.

Fiz. Com natas, coentro – ai, que combinação - e carinho.

Tratei-lhe dos pés, cócegas, diversão e aninho.

Depois, vesti-a de azul, não gosta mas fez-me a vontade, e fomos ao sol.

Brando passeio nos jardins da praça quieta, ela travessa,

eu, um caminho sem pressa.

Mais tarde, deitei-a exausta do dia de mimos, embalei seu cansaço junto ao peluche marinho e, de olhos fechados, percebi que a menina que hoje acolhi e fartei de encantos, esperava por mim em meus olhos,

me cuidando nos meus atarantos.

WAndrade – 01/03/2013

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:25

Tão pessoal!

por WAndrade, em 28.02.13

Gosto quando eu gosto de mim

Das minhas essências misturadas, dos meus castelos amarelados

de um feitio ou outro meio assim, ora fosco, ora carmim

Ora essa, gosto quando eu gosto de mim

das minhas ausências demoradas, dos meus sentidos apurados

da total falta deles, às vezes…

às vezes, portanto, gosto quando gosto de mim

da minha fasquia sem pista, do meu pedaço mais quieto,

do silêncio que silencio inquieta e indisposta e inadequada

Cada quadra onde retomo o verso, gosto

Gosto quando gosto de mim.

WAndrade – 27/02/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:22

Vôo? Que vôo?

por WAndrade, em 27.02.13

Pior que o tormento só a resignação.

Uma chuva de granizo no peito saberia mais leve

do que a estagnada fonte onde agora bebia a vida.

Ilusão que foi , é à toa no presente desenxabido e parco.

Voar é de lei, sim, mas somente para quem leva nas asas

as nuances dos céus que pretende.

No mais, trambolhões descabidos, alma ralada e orgulho ferido.

WAndrade – 27/02/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:07

vai que aperta...

por WAndrade, em 19.02.13
Rima pobre
mas necessária.
DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:10


Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D


WA - Formadora/E-Formadora Pedagógica Certificada - Formação Empresarial


Google

google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html