google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Esforço

por WAndrade, em 16.11.14

gota.jpg

E sabe por que? Porque...

podem todas as rosas estar abertas e até Versailles estar em festa.

Pode o riso adornar o que se entende. Entende-se.

Pode a palavra enfeitar o fastio, que para isso (também) é regra.

Pode o prazer desembrulhar-se em pequenas bolhas...

pilhérias da vida…

pode o vôo ser maior que a asa.

Tudo pode…até a saudade ser mais forte que o silêncio.

Contra isso nada pode! 

WAndrade-15/11/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:39

Pelo caminho

por WAndrade, em 15.11.14

Não sou perfeita... às vezes, penso que falo grego, penso em sânscrito e amo em galês.

Mas aceito outro copo, outro trago.
Não sou perfeita...tenho dias maus, bad days, I have…

e um inglês sofrível, como a alma vezes sem conta.
É que, para mim, o  amor tem que ser explícito, o dito faz diferença,

o amor vive de palavras, sim, de admiração e de exclusividade.

O ser amado precisa saber que é especial, que é ouro,

que difere dos outros porque é único.
É, talvez eu dê demasiada importância a essa coisa de amar...

coisa de poeta, de compositor.
Mas, por minha conta, não sou perfeita...
não aceito outro corpo...
                                                                                                                                               WAndrade, PT - 26/10/2006

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:22

Entenda*

por WAndrade, em 06.11.14

sorriso.png

*A pessoa vê uma foto minha e comenta que ficou satisfeita com o meu semblante "feliz".

Então, tá, obrigada!

WAndrade-06/11/2014

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:10

Segredo

por WAndrade, em 27.10.14

Deita, amor meu, deita.

Deita que esta cidade quieta, de mim repleta,

espreita, zelosa, teu sono vazio.

Deita, amor da minha vida, descansa, aqui não te

alcança maleita malsã ou qualquer desvio.

Sossega sem pressa tua alma inquieta,

hoje discreta de sonhos e em eterno fastio.

Aqui a guarda é somente aos teus sossegos, nada te obriga,

a nada te obrigas, vem.

E apenas deita, minha vida, desliza, que há muito preciso

desta doce cantiga do teu ressonar.

WAndrade – 28/09/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:36

"Pitadas de Inferno" - Moenda

por WAndrade, em 05.10.14

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:40

Setembros

por WAndrade, em 18.09.14

Não tens que agradecer, fiz com gosto.

Gozo maior foi o meu, ver os teus olhinhos-meninos,

acendelhas  do sorriso mais encantado que já vi, cheio,

cheinho de brilho e alegria.

E também não foi assim uma festa com nome e sobrenome,

foi simples, mas teve brigadeiro,

tarte de amêndoas e… chantilly, muito chantilly…

ah, deixaste a vela e um afago bom, quando me chamaste de prenda…

Feliz dia seguinte!

 

 

WAndrade – 18/09/2014

e a banda sonora...

 

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:38

Sonho

por WAndrade, em 07.09.14

Ah, Girassol, quiseste-me o mal e o mal concebeste,

com peso, com raiva.

Só não percebeste que todo este que a mim fizeste,

escorre-te pelos olhos assim que a acaba a festa.

WAndrade 07/09/2014

Sempre!

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:06

Marco

por WAndrade, em 04.09.14

Acordou, olhou para o lado e soube, tinha que atravessar o deserto.

Não importava o incerto do destino, mas tinha lá o que fosse certo na puta da vida?

Tinha. Problemas, contas e… saudade.

Mas era uma saudade tão dolorida, tão desajeitada, que evitava pensar.

Disso já tinha que bastasse.

Fugia desse sentimento mal ele lhe abordava, ainda que de leve. Indelével.

Qualquer solta consideração neste sentido, arredava para longe com força,

enfiando o que fosse naquele vão intrometido.

Mas tinha que atravessar o deserto, era lá, sabia bem, sempre soube.

Sabia que era ali, depois daquela curva lá, depois da esquina…

Lá, antes do deserto, viveu o que agora era apenas, do mais, seu maior desconhecido.

Paz.

WAndrade – 04/09/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:42

Origem

por WAndrade, em 16.08.14

Falta repertório. Ou melhor, nem é que falte, é a mesmice do próprio, passam-se os anos e  nada muda quando o assunto é o que já findou e não se sabe como, digamos, despachar (no bom sentido, claro!)

Fica aquela pasmaceira, aquele desquerer monossilábico que não diz que não mas também não aponta para o sim (fim?).

Não há briga… nem contentamento sincero. Não há corte…nem apaziguamento, apenas aquele rebuçado de mofo rolando no meio da língua, nem engole nem regurgita, quando muito, inventa um não sei que de “deixa disso, me abraça”, mas já sabendo o fogo extinguido, cinzas.

E aí a cantoria se repete, não sei… pode ser… meu bem… mas nada que venha com gana ou gozo, apenas o continuar de uma situação de pouco grado, onde já não há caminho.

Ainda se tenta ir à Bahia, molhar os pés ou sacudir o esqueleto… porém nada mais brilha (se é que um dia deu lustro), nada futura-se agora.

Falta repertório. Ou melhor, é o mesmo, o de sempre, o que não muda. E o sorriso descora, o prazer desbrota e a educação aflora (perigo!!!)

E um breve olhar para o passado mostra que este foi sempre, desde sempre, o “MO*” do desagravo.

Senta aí.

WAndrade – 16/08/2014

*Modus Operandi

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:12

"Pitadas de Inferno" - Tanto, tanto

por WAndrade, em 07.08.14

Ô!

WAndrade - 07/08/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:20


Mais sobre mim

foto do autor


Visitas


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D


WA - Formadora Pedagógica Certificada - Formação Empresarial


Google

google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html