google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html

Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Ui

por WAndrade, em 29.08.15

Operei.

Correu tudo tão bem que só agradeço, agradeço, agradeço…

Mas, como não podia deixar de ser, teve seus momentos.

Claaaro que eu cheguei muito cedo, muito antes até do que as senhoras da limpeza, claro que o hospital ainda estava fechado, claro que eu estava em pânico e claro que eu achava que ninguém estava a perceber isso.

Ok, bloco operatório, um agradecimento enorme às senhoras enfermeiras Ana e Carolina, pelo carinho, atenção e a mão na hora da anestesia, que aliás…doeu. Dr. Fernades Costa, alegre, bem disposto e perfeito em seu ofício, gratíssima! Dr. Mario Pires, anestesista, meu respeito e gratidão, sua conversa boa, alegre e interessante sobre tantas coisas, entendeu que toda aquela minha “tranquilidade” era apenas um enorme cagaço!

Dito isto, vamos à coisa. Eu, toda Hoʻoponopono*, tentava, em vão, uma auto-hipnose que resultou apenas numa enorme risada do Dr. Mario. A cirurgia em si durou quarenta minutos, se tanto, mas para mim foram dois séculos. Ainda zoada pelo calmante fui para o quarto sem saber se era domingo ou Natal.

No mais, um ligeiro desconforto ainda, recuperação perfeita, nem cicatriz. Como sempre.

WAndrade – 29/08/2015

*Hooponopono é um dos métodos de auto cura mais efectivos que existe.

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:54

Genebra

por WAndrade, em 23.07.15

Pronto. Cirurgia marcada e eu totalmente animada (fiz até a dancinha aí debaixo).

E no caminho para a casa, a cabeça lá e cá, lá e cá, como só eu consigo…

a loja, a vida nova, aquela estrada de sempre… sempre Coimbra…

Lembrei que minha mãe tinha joanete. Minha avó também.

Minha avó e suas atitudes. Jamais se importou com os falaricos e os dóidóis mezinhos.

Por um amor, um grande amor, largou tudo, o marido árido, a casa fria, as filhas, levou somente o mais pequeno pela mão. Consequências? Que viessem!

Lembro-me dela num aniversário meu, sentada na poltrona da sala,

a sorrir, depois das águas passadas.

Minha mãe e suas atitudes. Quando saímos de casa, ela enfrentou

meu pai, disposto a tudo…inclusive a não deixá-la sair.

Por um amor, um grande amor, vi, pela primeira vez, minha mãe sem maquilagem, deitadinha no sofá, completamente precisada de colo. Quieta, quietinha como pede o coração quando está aos rasgos.

Vinte anos depois este mesmo amor retorna, pedindo perdão, querendo

retomar o romance, dizendo que nunca a tinha esquecido.

Resposta de minha mãe: “Agora é muito tarde!”

 

Eu? Ah, eu também tenho joanete. Eu sou dessa tribo aí.

Quem sai aos seus…. pois é!

WAndrade – 22/07/2015

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:34

Porque...

por WAndrade, em 27.05.14

Há muito que estou por minha conta,

correndo os riscos de mim, esquecidos na borda do tempo,

vazando aqui e acolá, onde escolho ou não para vazar.

Há muito que dói quando eu rio e eu nunca desanuvio,

e  já não me vencem pertenças, ou caminhos a par,

e as canseiras da noite, essas vão longe… cansadas de mim, quizás?

Há muito que sou cliente de mesa para um e meu carro é velho

e meu braço dói e tenho joanete.

Há muito não escrevo carinhos, no máximo algum lembrete, que

a cabeça, essa também anda falha, farta do tanto muito a deslembrar.

WAndrade – 19/04/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:02


Mais sobre mim

foto do autor


Visitas


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D


WA - Formadora Pedagógica Certificada - Formação Empresarial


Google

google-site-verification: google10c0e84895c1ca43.html