Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Tiê

por WAndrade, em 01.03.15

liberdade.jpg

 

WAndrade-01/03/2015

Ca c'était quoi?

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:42

Relevo

por WAndrade, em 19.02.15

‘Tava mesmo vento, um cortante de todos os lados, puxou o mais que

pode a gola do casaco, a proteger o pescoço, e saiu assim,

sem medo daquela friagem.

Gelo já tinha há tempos no coração, não era novidade.

Novo mesmo foi aquele encontro, depois de tanto tempo, aquele olá,

oferecendo a cara a um beijinho.

Pensou que ali tinha coisa, mas deu de si educação e retribuiu o cumprimento.

Aquilo sim era gelo de sua parte.

Manteve o olá apenas e seguiu a sorrir de leve,

perante o espanto do outro lado.

Sabia que ali teria conversa, pressentiu o assunto mas não voltou nem a cabeça.

Há muito que tinha ciência do que seria falado e, sinceramente,

não lhe interessava nem um pouco. Não folgava o fracasso alheio.

Agora, nem pena tinha.

WAndrade – 18/12/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:30

Estou licenciada!

por WAndrade, em 25.06.14

Ainda não consegui tirar aquele risinho de felicidade da cara,

é meu direito adquirido.

Eu sempre disse que força tem quem acredita nela

e na minha eu creio acima de tudo.

Foi dor, foi doença, foi tratamento, foi dinheiro contado, foi solidão,

foi tudo à mistura com testes, frequências, trabalhos, estudo,

muito estudo, vontade, toda a vontade.

Estou licenciada em Psicologia, o grande sonho da Dª Maria de Lourdes* está realizado.

Se era o meu? Isso já não importa, o que vale mesmo é o orgulho imenso

que estou a sentir de mim, o orgulho que vi nos olhos dos meus colegas

e dos meus professores.

Agradeço a cada um deles com o coração ainda bambo

e a certeza de que fiz o meu melhor.

 

* minha mãe

WAndrade - 25/06/2014

queria tanto ter falado com você!

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:27

O Inferno é 10.000 e mais!

por WAndrade, em 24.06.14

 

O Inferno tem amigos, melhores amigos, conhecidos, fans, quem passa todos os dias, quem vem de vem em quando,

quem vem matar saudades, quem vem…ah, pois é!

Agradeço o carinho, o apoio, as mensagens, os emails, os comentários, por acreditarem, pelo respeito.

Como eu digo na introdução, o inferno não é somente a minha estória,

tenho a certeza de que é a de muitos de vós.

Um forte abraço e mas uma vez, agradeço a todos! Continuam a ser muito bem-vindos!

Wania Andrade

WAndrade - 23/06/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:04

Confiança... no "Cordel"

por WAndrade, em 22.06.14

 

 Formatação: WAndrade

 Literatura de Cordel é uma poesia muito popular,

no Nordeste do Brasil, oriunda de Portugal.

São versos rimados que podem (e são) cantados.

Quem quiser experimentar, está á vontade!

 

Aqui, http://euminfeerrno.blogs.sapo.pt/tag/sacratu,

eu já havia me aventurado um bocadinho.

 

 WAndrade - 22/0672014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:14

Plural

por WAndrade, em 21.06.14

Ganhei hoje a oportunidade de devolver o bem que alguém

me fez há exatos cinco anos.

Não foi de ânimo leve, confesso, não sabia que ainda sentiria

calafrios ao entrar naquela sala.

Mas lembrei que um dia, alguém enfrentou os seus para

me ajudar e me dar conforto.

Pai do céu, obrigada pelo privilégio de sentir na pele a lei do retorno.

 

Olha, já passou, agora é ir em frente, muita calma nessa alma, muita hora para essa calma!

WAndrade – 20/06/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:06

Ah, pois é...

por WAndrade, em 19.06.14

Ah, essa não!!!

Aporrinhação, irritação, danação, palavrão, vontade de descer a mão!

Mas o pior mesmo era não pode dizer o porque de tanta indignação.

WAndrade – 07/06/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:35

Ilusão

por WAndrade, em 08.06.14

Ah, criança, são as marés, elas mudam como o vento…

e se não ilumina o olho é porque não encantou a alma

e se esta não se alcança não adianta brilhar no dedo.

WAndrade – 25/04/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:20

Descoisa

por WAndrade, em 29.05.14

Chega um momento em que temos tanto de outro tanto

para dar e experimentar, que só aquilo, o que quis ser de sempre, não basta!

Brinquedo novo também fica usado, baby, cai na real.

Manter a pressão precisa de foco a tempo inteiro e isso massacra,

desbasta, cansa, desinteressa e descamba.

O caminho pelos atalhos é muito mais divertido.

Pode não ser tão… seguro, mas tem alguém aqui que se interessa por isso?

Ah, pois é!

WAndrade – 18/04/2014

 

 

Recado

 

Não precisa se preocupar.

Eu nunca vou dizer a “ninguém” que você vem ao blog.

 

Sabe porque? Por que eu sei que você não é feliz, nem pouco nem mais ou menos.

 

Claro que você nunca vai me deixar saber,

isso nunca vai vazar, eu sei.

 

Mas quero que você saiba que eu estou aqui,

sempre estarei, não para te julgar ou rir,

 

vou estar aqui para te dar a mão, sempre.

 

Eu sei que as coisas não vão bem, sei que não era, nem de longe,

o que você pensava,

sei porque te conheço, conheço tua voz,

conheço teu silêncio e tua distância.

E também conheço

 

o teu orgulho, você jamais iria me deixar saber.

Mas não importa,

só quero te deixar a certeza de que eu estou aqui.

Você sabe como me encontrar, portanto, venha,

aconteça o que acontecer você tem aqui. 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:56

Janelas de Outono

por WAndrade, em 19.04.14

Com grande prazer e a alegria de um reencontro marcado pelas estrelas,

pelas folhas de um outono longínquo (ainda bem), divido com vocês,

meus 9000, esta escritora, cantora, dona de artes tantas: Vera Mello.

 

Algumas folhas de maple

resistem à crueldade do frio

elas me indicam o rumo do vento

o destino dos sonhos

o valor do acaso

meu tempo de ocaso

pra elas me visto

por elas caminho

por elas me atalho

e é delas que ainda me valho

quando desfolho

e insisto

Vera Mello, Montreal, Outubro de 2009

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:21


Mais sobre mim

foto do autor


Visitas




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Poemas e Crónicas

Rebecca Rostagno - Arte nos temperos!

Palavra de Vidro

O Inferno no Likata