Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Educaçãozinha

por WAndrade, em 28.05.17

Então...só coisa boa acontecendo, vitórias, alegrias, novos

conhecimentos, tanta gratidão a professar que ficaria

muito comprido escrever tudo isso. É o sentir, olha!

Foi receber amiga, foi visitar amiga, foi festa, foi reencontro com

amiga, foi saber que a vida se dá para quem se oferece limpo e

fresco na alma, sem nódoas, coração, sem nódoas.

É saber com gosto que o rasto que se deixou foi de honra, de carinho,

de verdades... deixe um rasto de verdades!

É saber olhar para si mesmo é sentir paz naquilo que se vê no...

espelho, claro, em qualquer um deles, em todos eles.

Obrigada vida! Orgulhosa de olhar para você do mesmo nível,

olho no olho.

opção.jpg

 

WAndrade - 28/05/2017

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:51

27/12 - A melhor ideia!

por WAndrade, em 28.12.16

Algumas considerações sobre o meu aniversário! Bom!!!! De repetir todo dia 27.

A certeza de saber que gosto de mim desse jeitinho assim, gosto do que faço

comigo, tenho muito orgulho de ser quem eu sou. Foi mesmo muito bom, muito obrigada!

wanmiseta.jpg

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:37

Conceito

por WAndrade, em 05.08.15

Ora bem, e eu que falei tanto sobre portas fechadas, dou a mão á palmatória.

Pronto, estou a fechar algumas. É assim mesmo, sou capricórnio,

demoro, pondero, penso e peso.

E quando vazo não fuloro mais.

Tenha trinta e cinco anos ou cinco meses, não me serve o que

sincero não seja, amizades ou amores (?).

Do que é obrigação não me desmando, pois juras ao alto não

se desencantam, mas de resto estou limpando a área, passando o rodo.

É uma questão de valor (eu não disse valores...).

Minha, de mim para mim mesma. O valor que eu me dou a mim

é muito para ser desservido pela mentira, pela falta de carácter,

pelo engodo e pela falsidade.

Peguei pesado? Pois peguei, é meu valor, meu espelho

não espera outra coisa de mim. O orgulho de saber que

me respeito total e profundamente, a ponto de tirar

da minha vida absolutamente tudo aquilo que

não a faça completamente feliz.

 

Sem chances e sem chaves.

cobras.jpg

WAndrade – 05/08/2015

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:08

Pietrá

por WAndrade, em 13.06.15

namorados.jpg

*Feliz dia dos namorados....

WAndrade - 12/06/2015

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:21

Tiê

por WAndrade, em 01.03.15

liberdade.jpg

 

WAndrade-01/03/2015

Ca c'était quoi?

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:42

"Aperit oculum"!

por WAndrade, em 07.02.15

abreolho.jpgWAndrade15/01/2015

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:26

Regalo

por WAndrade, em 06.02.15

Juntava folhas, conchinhas, riachos, pauzinhos, madrugadas,

neves, bocados, silêncios e armadilhas.

Andava a coser uma manta, ornada com as pedrinhas

que também juntava.

Uma prenda, é…quando pronta estivesse, entregava.

Havia de cobrir-lhe os encanhos, que é de frente que se curam

os lanhos… os do peito, os da alma, os tamanhos, e também para

que soubesse, bem sabido, como foi ter juntado aquilo.

Depois, bem depois, sândalo, lavanda e carinho.

 

Se fosse o caso.

WAndrade – 14/01/2015

Só se fosse o caso…

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:03

Autenticado

por WAndrade, em 23.11.14

postiço.jpg

 WAndrade-23/11/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:34

Novelhos

por WAndrade, em 07.10.14

Agora, com os fios do bordado nas mãos,

com eles não sabia o que fazer.

Aflição de ter a vida no emaranhado de linhas,

puxava uma, que agarrada na outra, fazia nó.

Desprendia a seguinte e esta, desdobrada em várias,

passava por dentro de mais duas… sem caminho.

Até nos pés as tinha, as linhas, senhor, as linhas.

 

A quem comprou certezas tantas,

as destrezas do destino não deveriam espantar.

WAndrade – 25/09/2014

É 11 de maio de 2015

palhaço.jpg

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:32

Quem diria!

por WAndrade, em 07.04.14

Óh!!!

Nada melhor do que uma grande decepção para começar bem a semana!

E para perceber que eu morro e não vejo tudo.

E também para confirmar o quanto me orgulho, cada vez mais,

daquilo o que vejo no meu espelho.

E ainda para entender que pessoas são armas, poderosas mas previsíveis…

e que sempre, mas sempre há que ter todo o cuidado.

E mais, para ter a certeza (aquela de sempre)

de que tempo vira, lua mingua, vento muda. Atenção!

 

E, finalmente, para largar isso aqui porque tenho muito o que estudar.

(Tenho frequência na quarta-feira).

WAndrade – 07/04/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:48


Mais sobre mim

foto do autor


Visitas




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Poemas e Crónicas

Rebecca Rostagno - Arte nos temperos!

Palavra de Vidro

O Inferno no Likata