Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Amanhã

por WAndrade, em 22.06.15

Tira os olhos dessa jangada, morena, a maré inda mal levantou.

Tira o peito dessa moenda, pequena, o calor ainda nem te alcançou.

Estavas nas alturas, eu sei, funduras tuas onde não te atreves…

e onde eu sempre estou.

Mas não leves isto tão a peito, que isto lá é jeito de tratar um coração?

Fugiste do teu sem tamanho desejo de sentir-se viva. E daí?

Eu bem que deitava tua vontade envergonhada em meus abraços

e te dava dormida até adormeceres, morena, até adormeceres…

 

Amanhã não se sabe se chega, morena…se chega, o vemos amanhã.

WAndrade – 22/06/2015

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:45

Sabiá

por WAndrade, em 15.06.15

Então perguntas-me por ela.

Logo tu, a quem beijei os olhinhos molhados, lágrimas quentes de pirraça e ciúmes.

Justo tu, a quem guardei as mãozinhas geladas nas minhas, aquecidas ainda de mistérios.

Então perguntas-me por ela.

Dela não sei.

Mas sei de mim e da minha aflição quando não estás. Quando não vens.

WAndrade – 15/06/2015

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:30

Pietrá

por WAndrade, em 13.06.15

namorados.jpg

*Feliz dia dos namorados....

WAndrade - 12/06/2015

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:21

Recolha

por WAndrade, em 10.06.15

 

demais1.jpg

Ia comentar mas acho que não precisa.

Porque era demais, não era? Demais é o que sobra  e o que sobra...

pronto, comentei.

Bom feriado!

Desculpe, mas ri muito quando fiz este cartoon. É, escolhas....sorry!

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:40

Entendi

por WAndrade, em 05.06.15

palhaço.jpg

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:06

Amor*

por WAndrade, em 01.06.15

Minha amiga chega hoje.

Aquela que, de todos, não me julgou, não se encheu da minha tristeza,

Não me disse “verdades” na cara. Não passou batida, nem nunca disse que "precisava sair...".

Quando ficava muito cheia dos meus enredos, dizia: - “Caralho, vai lavar uma roupa, lavar uma loiça!”

Mas ficava e ouvia, ouvia, ouvia. Sempre ficava.

Num Natal trouxe as crianças para que eu tivesse uma família. E comemos pizza com cerveja. Foi o Natal mais lindo que já tive.

Minha amiga chega hoje, com o seu amor de sempre. Talvez um dia eu conte esta história linda.

Vai-me encontrar renascida, refeita e feliz, tudo coisa começada por ela. Vai encontrar a casa linda, lavanda e manjericão, minha e toda nova; o feng-shui que ela me ensinou e me deu tempo para aprender. Sempre junto comigo.

Sua filha, hoje em França, escolheu passar o Natal deste ano comigo, para sentir-se…em casa.

Minha amiga chega hoje e vai fartar-se de ouvir, desta vez, minhas alegrias de criança que ganhou (conquistou) brinquedo novo, vai ver de perto o que a sua amizade e o seu amor (re)criaram, quando paciência e carácter não lhe faltaram.

Vai ver, agora sim, uma pessoa outra vez inteira, que venceu a si mesma, luta doída e solitária.

Vai encontrar**, finalmente, lágrimas de alegria, agradecimento e de uma saudade "filha da puta" (palavras que ela dirá, certamente) .

Sejas muito bem-vinda, minha amiga! Obrigada por tudo! Obrigada por mim!

WAndrade – 01/06/2015

*para Lena Gino

**ah, claro, e vai encontrar um espumante fresquíssimo à sua espera!

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:29


Mais sobre mim

foto do autor


Visitas




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Poemas e Crónicas

Rebecca Rostagno - Arte nos temperos!

Palavra de Vidro

O Inferno no Likata