Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Autenticado

por WAndrade, em 23.11.14

postiço.jpg

 WAndrade-23/11/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:34

Andaço

por WAndrade, em 22.11.14

2caras2.jpg

É da forma, meu bem, é da forma.

 WAndrade - 22/11/2014

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:52

Parabéns!

por WAndrade, em 21.11.14

Só uma coisinha: custava avisar? Custava falar?

Nem que fosse um daqueles emails documentais

inspecionados e tão formais, seria mais digno.

Aliás, só para informar: dignidade não dói, caráter não é doença e covardia é forma.

Já era esperado. Essências não mudam.

Pode ter verniz, pode polir, pode titular, mas não mudam.

No mais, dó.

WAndrade - 21/11/2014

De um caráter postiço só se pode esperar uma atitude pequena.

WAndrade

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:34

Esforço

por WAndrade, em 16.11.14

gota.jpg

E sabe por que? Porque...

podem todas as rosas estar abertas e até Versailles estar em festa.

Pode o riso adornar o que se entende. Entende-se.

Pode a palavra enfeitar o fastio, que para isso (também) é regra.

Pode o prazer desembrulhar-se em pequenas bolhas...

pilhérias da vida…

pode o vôo ser maior que a asa.

Tudo pode…até a saudade ser mais forte que o silêncio.

Contra isso nada pode! 

WAndrade-15/11/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:39

Pelo caminho

por WAndrade, em 15.11.14

Não sou perfeita... às vezes, penso que falo grego, penso em sânscrito e amo em galês.

Mas aceito outro copo, outro trago.
Não sou perfeita...tenho dias maus, bad days, I have…

e um inglês sofrível, como a alma vezes sem conta.
É que, para mim, o  amor tem que ser explícito, o dito faz diferença,

o amor vive de palavras, sim, de admiração e de exclusividade.

O ser amado precisa saber que é especial, que é ouro,

que difere dos outros porque é único.
É, talvez eu dê demasiada importância a essa coisa de amar...

coisa de poeta, de compositor.
Mas, por minha conta, não sou perfeita...
não aceito outro corpo...
                                                                                                                                               WAndrade, PT - 26/10/2006

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:22

Entenda*

por WAndrade, em 06.11.14

sorriso.png

*A pessoa vê uma foto minha e comenta que ficou satisfeita com o meu semblante "feliz".

Então, tá, obrigada!

WAndrade-06/11/2014

 

 

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:10

Preocupação

por WAndrade, em 05.11.14

A tua alma boa não permite, ainda bem, que percebas

os meandros abandonados dos corações que são tristes mas não o admitem.

A coisa toda é muito simples, ontem eu acordei com saudades tuas, preocupada, sem saber bem porquê (depois o soube). O que eu fiz?

Te procurei, mandei mensagem, liguei e conversamos (uma conversa de afectos e carinhos e muito riso, como sempre).

É isso, quem se preocupa, procura, simples assim.

Rotas palavras de impressionar são apenas o que são, não valem o dízimo; descartáveis, deixam apenas um rasto…de sombra.

A mesma que escolta o abatido caminhar de agora.

Não o sabes, é claro, pois há quem sorva o orgulho como a uma sopinha farta e quente num dia de frio e chuva forte. Há quem encapote os próprios desassossegos, oferecendo silêncio

e dessaber, acreditando doer menos.

Há aqueles que acreditam que o amanhã só chega para os outros.

A arrogância dos desabitados.

Impressão nem de longe errada. Já era esperado.

WAndrade – 17/10/2014

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:56


Mais sobre mim

foto do autor


Visitas




""Umas estórias de amor" - Wania Andrade


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Poemas e Crónicas

Rebecca Rostagno - Arte nos temperos!

Palavra de Vidro

O Inferno no Likata