Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Conselho

por WAndrade, em 31.03.13

Do encruado e amorfo já quase tudo foi dito (e visto), é molha que desanda a folha.

É direito adquirido não querer ver o que se lhe venta ao redor,

pelo tanto que sente o peito esmurrado e chocho.

Onde agora anda aquilo que o estardalhaço palhaçoso anunciou?

Perdeu-se, engodos são vaidosos, pretendem apenas, mas esgotam e fim.

A vida espreita, ensina, mostra timtim por timtim.

Mas cadê que o cativo é desperto?

 

Enfim, se conselho fosse dom nascia com a gente, certo?

WAndrade – 31/03/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:27

Bêbada

por WAndrade, em 30.03.13

Não do carinho desemprumado, assim de soslaio, quase um afago no cão,

muito menos das flores tropeças e catadas a preço, obrigação morna e jargão,

e nem do lesco-lesco desenxabido que por vez ronda as noites líquidas, tão líquidas.

Do que faz lustre, sim, o qual, acredite, não vem de dentro da carteira

e sim da alma enternurada e esta não vaga por aí  na borga, ah não!

Das atitudes, sim, pequenas que sejam, que dão o tom maior ou menor para seguir

no vai-da-valsa ou abrir a cauda do piano…

Daquilo onde sejas objectivo e não episódio.

 

Beba da vida, meu bem, beba da vida!

WAndrade – 30/03/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:39

Sutil

por WAndrade, em 28.03.13


DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:45

Espreita

por WAndrade, em 27.03.13
DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:51

Nau...frágil

por WAndrade, em 26.03.13

De uma distância segura observava a maré.

Silente, via a incredulidade de cada onda que se formava.

Sem sustos, seguia aquele enuviar vagaroso, já conhecia.

Aquilo era aviso de temporal! Vinha ali mau tempo!

 

É quando é que fora bom?

WAndrade – 25/03/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:08

Escolhas

por WAndrade, em 26.03.13
DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:33

O passar do Tempo

por WAndrade, em 25.03.13
DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:17

Vendas

por WAndrade, em 25.03.13
DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:22

Vai entender...

por WAndrade, em 25.03.13

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:03

Possível delicadeza

por WAndrade, em 23.03.13

Escrevo o que é de mim e não só.

Minha poesia tem reversos, que estes dão-me mais jeito

Meus versos de fanfarra, espreitam aqui e ali alguma prosa,

se assim me convém e se o sentimento aprova.

Falo da rua naquilo que vejo e ouço. Por vezes acho piada, noutras encontro dó.

Do amor prefiro não comentar, tenho dele péssimas impressões.

Também escrevo pessoas, o que nelas me intriga, o que delas absorvo.

O possível corvo que em cada uma habita, atinge em cheio minha palavrória.

Pessoas são armas, quase sempre prontas a disparar…

às vezes um sorriso, quando precisam de algo,

às vezes um silêncio, quando é você que precisa.

Às vezes um agrado, quando estão na pior,

às vezes  a distância, quando a vida lhes faz uma graça.

Escrevo o que é exangue e o que se faz intenso

se assim o percebo.

Porém do que percebo escrevo menos.

Há coisas que não devem sair do pensamento.

Seria indelicado.

WAndrade – 23/03/2013

DMCA.com

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:35

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Visitas




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Links

Poemas e Crónicas

Rebecca Rostagno - Arte nos temperos!

Palavra de Vidro

O Inferno no Likata